0

Estes 7 sinais de alerta te dirão se você está consumindo muito açúcar. Eu não imaginava a nº 3!

 




 




 

 

 

 

 

 

Geleia no pão para o café da manhã, bala no escritório, um pedaço de bolo à tarde, iogurte com frutas de sobremesa na frente da TV. Nada mal, não é?

Bom, pode ser, sim! Não são só as comidas óbvias que contêm açúcar. O açúcar também está em lugares que você nunca esperaria. Comidas processadas, por exemplo, como salsicha, frutas ou vegetais enlatados, batatas chips, entre outras, têm quantidades surpreendentemente altas de açúcar adicionado. E qual é o efeito do consumo elevado de açúcar no nosso corpo?

Quando essa quantidade é maior do que o que o nosso corpo precisa queimar no momento, o açúcar vira gordura, e não só o tipo de gordura que você não gosta de ver no espelho…

Ele enche os nossos órgãos de gordura, o que torna mais difícil para eles funcionarem corretamente, começando com o nosso fígado. Além disso, enquanto os nutricionistas começam a reconhecer os benefícios da gordura, eles também estão reconhecendo que o açúcar, mais do que a própria gordura, era o vilão todo esse tempo.

Estes sete sintomas podem ser sinais de que você está ingerindo muito açúcar, e que pode ser a hora de você ter que reduzir o seu consumo.

1. Cansaço 

Você não precisa necessariamente se encher de bala para o açúcar chegar na sua corrente sanguínea rapidamente e te dar uma carga de energia. Depois da infame alta de açúcar, talvez venha a mais infame ainda baixa de açúcar, que faz você se sentir mais cansado do que antes. Então, no trabalho, seria melhor você substituir a barra de chocolate por uma maçã, que te dá açúcar e fibra suficiente para diminuir a digestão (quebra) desse açúcar e direcioná-lo de maneira mais eficaz.

Mais energia a longo prazo e, claro, um corpo em melhor forma.

2. Dificuldade de concentração

Se você tem problemas para se concentrar após uma refeição e o seu cérebro parece meio atordoado, pode ser porque havia muito açúcar em sua refeição. Altas e baixas extremas no nível de açúcar em seu sangue podem levar a um comprometimento cognitivo e até à depressão.

3. Vício em açúcar

O gosto do doce não parece mais tão doce assim? Então você pode estar viciado em açúcar. A longo prazo, o consumo elevado de açúcar também pode aumentar a tolerância do nível de glicose do palato. Então, com o tempo, você precisará de cada vez mais açúcar para satisfazer o seu desejo.

Não é à toda que os cientistas começaram a chamar o açúcar de droga!

4. Ganho de peso

O seu jeans favorito já não cabe mais e você está se sentindo cada vez pior a respeito do seu corpo? Pode ser que o açúcar em sua dieta esteja te fazendo ganhar peso. Ele contém muita caloria ruim. O açúcar só sacia a sua fome momentaneamente e pode até te deixar com mais fome ainda depois.

Então, por exemplo, quando as pessoas consomem alimentos processados, elas normalmente ficam com fome muito mais cedo que se tivessem escolhido uma refeição natural, caseira e livre de açúcar. E, lógico, como resultado acabam comendo mais para compensar.

5. A larica

Quando você come muito açúcar, é normal ter a famosa “larica” com mais frequência. Isso faz parte do aspecto viciante do açúcar: ele é mais forte do que cocaína! Você pode ler sobre isso aqui e neste estudo feito pela Icahn School of Medicine, na Universidade de Michigan (EUA), mas saiba: você não vai ter mais vontade de comer aquelas batatinhas ou biscoitinhos depois.

6. Mais gripes e resfriados

Se você anda tendo gripes e resfriados com maior frequência, isso pode estar relacionado com a ingestão de açúcar. Muito açúcar enfraquece o seu sistema imunológico, te deixando mais suscetível às doenças. Só isso já deveria ser um bom motivo para reduzir o consumo de açúcar: estar sempre resfriado é a pior coisa.

7. Problemas de pele

Muito açúcar é, como qualquer outro veneno, difícil para o seu corpo metabolizar. Nossa pele é frequentemente o órgão de último recurso, o local para onde o corpo manda as toxinas para se livrar delas, mesmo que esse não seja o jeito mais eficaz. A nossa pele então sofre com acne, eczema, ou rosácea, ou fica muito oleosa ou muito seca.

Ao invés de gastar rios de dinheiro em produto para a pele, não seria mais fácil comer menos açúcar?

Claro, o doce deixa a vida mais gostosa, e não há nada de errado em, de vez em quando, comer em ocasiões especiais uma barra de chocolate, um pedaço de bolo, ou aquela comida processada que a gente ama. Mas a maioria das coisas que ingerimos deve realmente ser natural: vegetais, frutas, oleaginosas, legumes e alimentos integrais. E, claro, laticínios e carnes com moderação.

 




 




 

Cortar o açúcar pode ser muito difícil, mas é uma maneira ótima de descobrir todos os outros sabores que existem por aí. A natureza foi muito bondosa ao nos presentear com muitos temperos e ervas para deixar as coisas mais interessantes. Tente usar um pouco de suco de limão siciliano, sementes de pimenta do reino ou cominho, gengibre, cúrcuma, salsinha, manjerona e coentro, e, claro, um pouco de chili em pó.

Isso não será bom apenas para manter a boa forma, mas também para sua saúde física e mental!

Compartilhe com os amigos.



Administradores

Procuramos estar sempre trazendo do bom e do melhor para vocês, nossos leitores.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *